Firmware do teclado da Apple é vulnerável à ataques hackers


Quase todos os periféricos de informática de acho em dia,  possuem memórias ou processadores, incluindo os teclados da Apple que não são exceção à regra. Eles possuem 8kb de memória flash, e 256 bytes de RAM.K. Chen achou uma maneira muito fácil de instalar keyloggers e outras possibiliaddes de injetar códigos maliciosos nos teclados da Apple. (mais aqui).

Enquanto 8kb de memória flash e 256 bytes de RAM, lhe parece que não seja uma grande quantidade de espaço, é espaço o suficiente para um bom programador, utilizar tal espaço com intenção de colocar códigos maliciosos como Keyloggers e outras ameaças.

Isto é muito fácil de se fazer em dispostivos da Apple que possuem tais componentes, graças a um sofware que permite atualização do firmware o HIDFirmwareUpdaterTool.”O programa é executado,  funciona como uma quebra definida, onde você pode colocar o código malicioso e no meio da possível atualização.”Em questão de segundos seu teclado está comprometido, reinicialização não irá ajudar, mesmo tirando as baterias do dispositivo, é impossível de se indentificar.

K. Chen demonstrated a rudimentary keylogger which would print the last five typed characters. There was 1Kb of free space left inside the keyboard, so you can store quite a few keystrokes. It wouldn’t take much to do this remotely, using a compromised website, for instance.

K. Chen demonstrou um simples keylogger que mostra os cinco últimos caractéres pressionados. Houve apenas 1kb de espaço livre no teclado, então você pode armazenar algumas informações. Não seria muito para fazer isto remotamente, utilizando um serviço de internet, por exemplo.

Veja o vídeo:

Fonte: Os News

, ,

  1. Nenhum comentário ainda.
(não será publicado)

Spam Protection by WP-SpamFree